sexta-feira, 25 de março de 2011

Maravilhoso Hessen!

"Não creio ser um homem que saiba. Tenho sido sempre um homem que busca, mas já agora não busco mais nas estrelas e nos livros: começa a ouvir os ensinamentos que meu sangue murmura em mim. Não é agradável a minha história, não é suave e harmoniosa como as histórias inventadas; sabe a insensatez e a confusão, a loucura e  o sonho, como a vida de todos os homens que já não querem mais mentir a si mesmos".

H. Hesse in Demian.

2 comentários:

  1. Olá Pe,
    Do Hesse já li 'O lobo da estepe' e 'Quem pode amar é feliz'. Veja o que um dos personagens dele diz num trecho deste último:

    "De tudo o que conheci, nada me pareceu mais nobre e fogoso e arrebatador do que o amor por mulheres. Nem sempre amei conscientemente uma em particular, mas meus pensamentos sempre estiveram ocupados com o amor, e minha veneração pelo belo foi mesmo uma permanente adoração das mulheres."

    Ele sempre dá um tom encantador aos seus personagens, né.

    Parabéns pelo post.

    bjs

    ResponderExcluir
  2. Uma ótima postagem!!!

    "O verdadeiro heroísmo consiste em persistir por mais um momento quando tudo parece perdido."

    Um bom fim de semana!!!

    ResponderExcluir